Elon Musk afirmou que Tesla deixará de ter ações na bolsa e valor da empresa aumento

Ações da montadora sobem 11% após presidente revelar ideia no Twitter. Musk confirmou a intenção em e-mail a funcionários, dizendo que depende da aprovação dos acionistas.

Elon Musk, fundador da Tesla (Foto: Joe Skipper/Reuters)Presidente da Tesla Elon Musk.(Foto:Divulgação)

   O  presidente da Tesla, Elon Musk, revelou na tarde desta terça-feira (7), no Twitter, que está cogitando tirar as ações da empresa da bolsa.

Após a postagem, as ações da fabricante de carros elétricos tiveram a negociação suspensa temporariamente na bolsa de Nova York.

Depois da retomada, elas dispararam, fechando com alta de 10,9%, a US$ 379,57, levando o principal índice da bolsa a quase bater um recorde histórico.

Com a alta desta terça, a Tesla passou a ter um valor de mercado de US$ 62,65 bilhões.

“Estou pensando em fechar o capital da Tesla a US$ 420 (preço por ação). Financiamento garantido”, disse Musk, no começo da tarde, sem detalhar o plano.

Após agitar o mercado, o empresário fez outros posts, dizendo que a permanência dos atuais investidores estava garantida e que só não podia dar a saída da bolsa como certa porque depende da aprovação dos acionistas.

O sul-africano tem cerca de 20% das ações da montadora. Mais cedo, houve rumores de que um fundo árabe havia comprado de 3% a 5% da Tesla. A empresa não confirmou.

A Tesla entrou para a bolsa em 2010 e chegou a ser a montadora de maior valor em algumas ocasiões em 2017, superando General Motors e Ford.

Be the first to comment on "Elon Musk afirmou que Tesla deixará de ter ações na bolsa e valor da empresa aumento"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*